Suspensão de aulas presenciais em Londrina é prorrogada até 30 de novembro


Decreto municipal foi assinado nesta quarta-feira (28) e vale para escolas públicas e privadas; decisão anterior da prefeitura tinha prazo até sábado (31). Suspensão de aulas presenciais em Londrina foi prorrogada até 30 de novembro
Alberto D’Angele/RPC
A Prefeitura de Londrina, no norte do Paraná, prorrogou a suspensão das aulas presenciais, em escolas públicas e privadas, até o dia 30 de novembro.
A suspensão das atividades curriculares, prevista em decreto anterior, tinha prazo para terminar neste sábado (31), e foi estendida em decreto publicado pelo município na quarta-feira (28).
O texto prevê a permissão somente para “atendimento individualizado a alunos em situação de risco e vulnerabilidade social” e seguindo protocolos estabelecidos pelo município.
CORONAVÍRUS NO PARANÁ: Veja as principais notícias
As atividades estão suspensas desde março por decretos da prefeitura por causa da pandemia do novo coronavírus.
Neste mês, escolas particulares filiadas ao Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino do Estado do Paraná (Sinepe) receberam autorização do Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) para retomar as atividades curriculares presenciais, em Londrina.
Governador do Paraná diz que aulas presenciais da rede estadual podem voltar em novembro
Em todo o estado, as aulas presenciais da grade curricular permanecem suspensas. O governo autorizou a retomada gradual das atividades nas instituições, mas somente para aulas extracurriculares.
Em 19 de outubro, as escolas estaduais começaram a retomar as atividades, acompanhando a decisão.
Assista aos vídeos com os destaques desta quinta-feira (29)
Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.