Governador vai visitar regiões atingidas pelas chuvas em SC

O governador de Santa Catarina, Carlos Moisés, vai visitar as cidades atingidas pelas fortes chuvas no Alto Vale do Itajaí na tarde desta quinta-feira (17). Moisés já tinha agenda programada em Blumenau e deve seguir em direção a Presidente Getúlio e Ibirama, cidades mais atingidas pelo temporal da madrugada desta quinta (17) no período da tarde.

Alagamentos, deslizamentos e estragos foram registrados por todo o Alto Vale do Itajaí – Foto: Reprodução/Redes sociais

Por conta do mau tempo, a equipe do governador se desloca de carro para o Vale do Itajaí. A previsão de chegada é às 11h30. A caminho de Blumenau, o governador comentou a situação do Alto Vale.

Moisés declarou que já foram deflagradas desde a manhã desta quinta (17) algumas ações de atendimento emergencial e que o chefe da Defesa Civil do Estado, Cel. Aldo Baptista Neto, e o comandante do Corpo de Bombeiros de SC, Cel. Charles Alexandre Vieira, já se encaminharam para as regiões afetadas.

O governador ressaltou que espera que as condições do tempo permitam a visita ao Alto Vale do Itajaí.

“Ainda no dia de hoje nós tentamos um sobrevoo no local, nos dirigindo agora pela manhã também a Blumenau, mas não há condições de voo. Tivemos que retornar à base em Florianópolis e estamos deslocando para uma agenda no município de Blumenau. Tão logo dê condições de tempo a gente deve se dirigir a região atingida, tanto Presidente Getúlio, quanto Ibirama, Rio do Sul, para que a gente possa estar com as equipes do governo assistindo a toda nossa população da região”.

Reunião do Grac

Moisés também informou que o Grac (Grupo de Ações Coordenadas) se reúne na manhã desta quinta (17) para determinar ações coordenadas com as diversas agências que precisam prestar atendimento, como Celesc e Casan, além da Defesa Civil e de toda a estrutura de segurança, como bombeiros e polícias Civil e Militar.

“Para que as ações daqui para frente sejam coordenadas, para mitigar os efeitos na região, uma vez que nós temos previsão de continuidade de chuvas para a região afetada”, concluiu.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.