Mercedes-Benz decide encerrar produção de veículos em fábrica de Iracemápolis


Atualmente 370 funcionários trabalham na unidade, que vão entrar em férias coletivas. Fábrica foi inaugurada em 2016 e fabricava os modelos sedã Classe C e do SUV GLA da marca. Campo de provas da Mercedes-Benz, em Iracemápolis, SP
Divulgação
A Mercedes-Benz anunciou que decidiu encerrar a produção de automóveis premium na fábrica de Iracemápolis (SP). Em nota, a empresa disse que levou em consideração diversos fatores, inclusive a situação atual do mercado brasileiro e o agravamento com a pandemia de Covid-19.
A fábrica foi inaugurada no interior paulista em 2016 e fabricava os modelos sedã Classe C e do SUV GLA da marca. O volume produzido será transferido para outras unidades pelo mundo.
Segundo a empresa, atualmente são 370 funcionários na unidade de Iracemápolis. Inicialmente, não haverá demissão, segundo a empresa. Os trabalhadores vão entrar em férias coletivas a partir de segunda-feira (21).
Montagem do Classe C na fábrica da Mercedes-Benz em Iracemápolis, SP
Luciana de Oliveira/G1
Além da situação econômica, a Mercedes-Benz informou que “está trabalhando rumo ao futuro da mobilidade neutra em CO2 e está investindo na transformação da empresa, com foco na eletrificação e digitalização dos nossos veículos, isso inclui a otimização da rede global de produção”.
A empresa disse ainda que a decisão não irá impactar a produção de caminhões, chassis de ônibus nas plantas de São Bernardo do Campo (SP), Campinas (SP), Juiz de Fora (MG) e o campo de provas de Veículos Comerciais em Iracemápolis.
Veja mais notícias da região no G1 Piracicaba
Adicionar aos favoritos o Link permanente.