Mulher diz não ter informações sobre a tia, que está no Hospital de Campanha do Riocentro com Covid


‘É muito angustiante o familiar estar em casa sem nenhuma notícia”, afirmou Fernanda Cruz, sobrinha de Maria das Dores. Prefeitura afirmou que entrou em contato com a família na sexta-feira (11). Parentes de pacientes internados com Covid-19 no Hospital de Campanha do Riocentro, na Zona Oeste do Rio, têm reclamado da falta de informações sobre os familiares que estão doentes.
É o caso dos parentes de Maria das Dores, internada no hospital de campanha há 12 dias. Na unidade, há 300 leitos ocupados por pessoas infectadas. A família de Maria reclama que quase não recebe notícias sobre o estado de saúde dela.
Sobrinha de Maria das Dores reclama de não ter informações sobre a tia
Reprodução
“A gente sabe que está difícil, que os hospitais estão lotados, mas é muito angustiante o familiar estar em casa sem nenhuma notícia”, afirmou Fernanda Cruz, sobrinha de Maria das Dores.
A Prefeitura do Rio, que faz a gestão da unidade, disse que entrou em contato, na sexta-feira (11), com a família de Maria das Dores.
Adicionar aos favoritos o Link permanente.