Operação Concorrência Legal, na Paraíba, encerra trabalho com 66 caminhões apreendidos


Só no primeiro dia, tinham sido 40 apreensões. Mas trabalho prosseguiu no segundo dia. Objetivo era apreender cargas contrabandeadas para o Estado. Operação contra contrabando na Paraíba
Sefaz/Divulgação
A Secretaria da Fazenda (Sefaz) apreendeu esta semana 66 veículos que transportavam mercadorias com nota fiscal irregular ou sem nota fiscal, nas rodovias federais, estaduais e nos postos da Polícia Rodoviária Federal da Paraíba. Na quarta-feira (9), quando a “Operação Concorrência Legal” foi iniciada, 40 veículos já tinham sido apreendidos. Mas a operação teve sequência na quinta-feira (10) e mais 26 veículos irregulares foram identificados.
O objetivo da operação era o de coibir a sonegação fiscal e a concorrência desleal entre as empresas do Estado neste final de ano – prática que tem gerado grandes prejuízos ao Estado e desequilíbrio entre as empresas.
Para executar as etapas da operação, as equipes de auditores fiscais das cinco Gerências Regionais da Sefaz, que têm como sede as cidades João Pessoa, Guarabira, Campina Grande, Patos e Sousa, montaram, simultaneamente, blitz em pontos estratégicos de rodovias com o intuito de fazerem as abordagens aos veículos de carga para conferência da documentação fiscal.
As blitz da Sefaz contaram com o apoio dos postos da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em diversos pontos do território paraibano. E, nas dezenas de abordagens de veículos, as 66 apreendidas foram notificadas por apresentarem irregularidades no transporte de mercadorias.
Entre os produtos encontrados nas abordagens com documento irregular, itens extremamente variados. Como carne, frios, feijão, refrigerante água mineral, tinta, madeira, cimento, telha cerâmica, cimento, tapetes, mantas, kits de cozinha, meias e cigarros. Para se ter uma ideia, uma carreta contendo mais de 35 mil pacotes de cigarros vindos do Paraguai, avaliada em R$ 1,2 milhão, está no meio das apreensões.
Vídeos mais assistidos do G1 Paraíba
Adicionar aos favoritos o Link permanente.