Paraná registra 320 mil casos e 6.642 mortes pela Covid-19; ocupação de UTIs do SUS chega a 86%, aponta boletim


Dados foram publicados pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) nesta sexta-feira (11). Levantamento aponta aumento de 5.048 casos e 47 mortes provocadas pela doença. Epidemias de Sars e Mers já ‘anteciparam’ algo em relação à Covid-19, diz especialista
Getty Images via BBC
O Paraná tem 320.088 casos confirmados e 6.642 mortes provocadas pela Covid-19, segundo balanço da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) publicado nesta sexta-feira (11).
O estado registra ainda lotação de 86% nos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Sistema Único de Saúde (SUS) reservados exclusivamente para o tratamento da doença.
Os dados levam em consideração os leitos para adultos e crianças. Veja mais abaixo a lotação por tipo de leito, no estado.
CORONAVÍRUS NO PARANÁ: Veja as principais notícias
O novo boletim apontou um aumento de 5.048 casos. Destes, 2.907 são retroativos e confirmados entre 12 de junho e quarta-feira (9), segundo a Sesa.
Além disso, o estado contabilizou mais 47 mortes provocadas pela doença, na comparação com o boletim de quinta-feira (10).
Ao todo, 72% dos infectados são considerados recuperados no estado, o que representa um total de 227.791 pacientes. Por outro lado, a taxa de letalidade da Covid-19 está em 2,1%.
Taxa de ocupação
Em relação ao boletim anterior, o Paraná criou mais 10 leitos de UTI para adultos voltados para tratamento da Covid-19 no SUS.
A taxa de ocupação nesta ala se manteve em 87%. No entanto, a manutenção da taxa se deve pelo aumento no número de leitos, já que o total de internados na UTI adulta do SUS para Covid-19 passou de 967 para 969.
Veja a seguir como está a ocupação dos leitos do SUS reservados para o tratamento da Covid-19 no Paraná:
87% dos 1.118 leitos de UTI adulta
67% dos 1.684 leitos de enfermaria adulta
55% dos 22 leitos de UTI pediátrica
32% dos 34 leitos de enfermaria pediátrica
Já em relação à ocupação de leitos por macrorregião, que é a forma usada pela secretaria para dividir o estado, a área Oeste registra a maior lotação entre os leitos de UTI para adultos.
A macrorregião abrange hospitais que ficam em cidades da região de Foz do Iguaçu e Cascavel. Confira a seguir a ocupação por área:
Oeste: 94%
Leste: 89%
Noroeste: 86%
Norte: 70%
O boletim aponta ainda que 2.791 pessoas estão internadas na rede pública e privada de saúde com diagnóstico ou suspeita da doença.
Destes, 1.132 estão em leitos de UTI e 1.659 estão na enfermaria. Do total, 1.281 pacientes já foram diagnosticados com a doença.
CURITIBA
Na capital, a prefeitura informou que os leitos de UTI do SUS para Covid-19 estão 90% ocupados, com lotação de 91% na ala reservada para adultos e de 86% na pediátrica.
Ao todo, Curitiba tem 36 leitos de UTI vagos e 342 pacientes hospitalizados na ala para tratamento intensivo.
Além disso, a enfermaria registra lotação de 84%, com 448 pacientes internados, de acordo com a prefeitura.
Mortes
As 47 mortes registradas no novo boletim são de 19 mulheres e 28 homens. As vítimas morreram entre 18 de agosto e esta sexta-feira.
Os pacientes tinham idade entre 28 e 92 anos. Oito eram moradores de Curitiba e quatro moravam em Colombo.
Além disso, a Sesa informou que Campo Largo e Maringá registraram mais três mortes cada. Em Apucarana, Astorga, Cascavel, Pontal do Paraná e São José dos Pinhais foram mais dois óbitos cada.
Antonina, Bandeirantes, Cambé, Céu Azul, Clevelândia, Cruzeiro do Oeste, Dois Vizinhos, Espigão do Alto Iguaçu, Guarapuava, Itaperuçu, Japurá, Mariluz, Missal, Paiçandu, Palotina, Paranaguá, Quedas do Iguaçu, Rolândia e São Pedro do Ivaí somaram mais uma morte cada.
VÍDEOS: Vacina contra a Covid-19 no Paraná
Initial plugin text
Veja mais notícias do estado no G1 Paraná.
Adicionar aos favoritos o Link permanente.