Polícia Federal cumpre mandados de prisão contra grupo suspeito de falsificar documentos e certificados em Aracaju


Dentre as falsificações há certificados de ensinos fundamental, médio e superior, diplomas de cursos profissionalizantes e de capacitação. Também são cumpridos mandados de busca e sequestro de bens. Polícia Federal em Aracaju contra grupo que falsificava documentos e certificados
PF/Divulgação
A Polícia Federal realiza nesta segunda-feira (14) uma operação em Aracaju para desarticular grupo criminoso que falsifica e vende documentos públicos e privados, como certificados escolares e carteiras de instituições. Estão sendo cumpridos quatro mandados de busca e apreensão e três de prisão temporária, e sequestros de bens.
Dentre as falsificações há certificados de ensinos fundamental, médio e superior, diplomas de cursos profissionalizantes e de capacitação (movimentação operacional de produtos perigosos, transporte de cargas e de pessoas, trabalho em altura, segurança do trabalho, atestados médicos, curso de porteiro).
A investigação teve início no ano de 2016 quando foi apresentada à Polícia Rodoviária Federal, uma carteira falsa de curso de condutor de veículo de passageiros.
Segundo a PF, foi possível descobrir a estrutura do grupo, sendo identificados o líder, que comercializa os documentos, o filho dele, que o auxilia, e o dono de uma gráfica que falsificava os documentos.
Os mandados foram expedidos pela 2ª Vara Criminal de Aracaju. Dentre os crimes investigados, está o de lavagem de dinheiro. A operação recebeu o nome de ‘Carteira Fácil’.
VÍDEOS: Mais assistidos do G1 nos últimos 7 dias
Adicionar aos favoritos o Link permanente.