Prefeitura de Guarujá, SP, amplia horário de funcionamento do comércio


Mudança ocorre após Governo do Estado autorizar que atividades passem de 10 para 12 horas diárias. Horário de comércio é ampliado em Guarujá, SP
Divulgação/Prefeitura de Guarujá
O comércio de Guarujá, no litoral de São Paulo, teve o horário ampliado e poderá funcionar até 12 horas por dia. A mudança foi divulgada pela prefeitura nesta segunda-feira (14) e tem como objetivo evitar aglomerações nos centros comerciais da cidade durante o fim de ano.
A decisão, publicada no Diário Oficial do município de sábado (12), se deu após o Governo do Estado autorizar que as atividades passassem de 10 para 12 horas diárias, como medida de enfrentamento à Covid-19.
Segundo a prefeitura, a mudança foi definida por meio do Comitê de Crise do Coronavírus, que reúne representantes de secretarias municipais para monitorar e oferecer soluções técnicas para o enfrentamento à pandemia. O objetivo é evitar aglomerações, especialmente nos comércios, que recebem um aumento no movimento por causa do Natal e Ano Novo.
A capacidade de atendimento presencial nos comércios permanece limitada a 40%. Também não foi alterada a obrigação da adoção dos protocolos sanitários por parte de clientes e funcionários, como o uso de máscaras, disponibilização de álcool em gel e as medidas de distanciamento social. O novo decreto ainda estabeleceu o horário de funcionamento dos principais segmentos comerciais.
Objetivo é evitar aglomeração no comércio de Guarujá, SP
Divulgação/Prefeitura de Guarujá
Confira os horários:
Atividades imobiliárias: das 8h às 20h;
Concessionária e revenda de veículos: 8h às 20h;
Escritórios e estabelecimentos de prestação de serviços técnicos: 8h às 20h;
Comércio de rua: 8h às 20h;
Shopping Center: 8h às 20h;
Salões de beleza, barbearia e clínicas de estética: das 9h às 21h;
Bares: das 10h às 22h ou das 12h à 0h;
Restaurantes e lanchonetes: das 11h às 23h ou das 12h à 0h;
Academias, estúdios de ginástica e similares – alternativamente: das 6h às 11h e das 15h às 22h; das 6h às 18h; ou das 6h às 14h e das 18h às 22h;
Marinas: sem restrição de horário;
Hotéis, pensões e similares: sem restrição de horário;
Comércio ambulante nas praias: das 8h às 20h;
Quiosques localizados na orla marítima: das 8h às 20h.
VÍDEOS: As notícias mais vistas do G1
Adicionar aos favoritos o Link permanente.