Que caverna escura é essa?

Que caverna escura é essa? A vida, leitora. A vida é uma caverna escura, sim. E é por isso que vivemos como transtornados, desde o nascimento, a procura da lâmpada para acender a luz nessa caverna. A lâmpada é a felicidade. Uma vez felizes, lá se vai a escuridão da vida.

O diacho é saber onde está essa felicidade e a quem ela dá o braço. Dou estas voltas não sem razão… A razão me acaba de chegar às retinas através de um artigo do site MSN. Em resumo, o destaque era este: – “40% de sua saúde depende do seu estilo de vida e bem-estar”. Vamos lá. Todos queremos saúde, a saúde é a bateria do nosso corpo, sem ela nos danamos.

Resumindo, nossa saúde e bem-estar dependem então do nosso estilo de vida e bem pouco da herança genética, isso pela preponderância estatística

Foi dito que 40% dessa saúde que buscamos dependem do nosso estilo de vida. E o que é estilo de vida? Ah, antes que esqueça: 30% da nossa saúde vêm do meio ambiente… O que é mesmo meio ambiente? 20% vêm do sistema de saúde e 10% dos genes, da carga hereditária. Resumindo, nossa saúde e bem-estar dependem então do nosso estilo de vida e bem pouco da herança genética, isso pela preponderância estatística.

Ocorre, e é por isso que a vida se confunde com uma caverna tenebrosamente escura, que o nosso estilo de vida depende bem pouco de nós. Depende, essencialmente, do que fizeram de nós (os velhos que nos cercaram e educaram no período de molde, o que vai do nascimento aos cinco anos), deixando-nos os condicionamentos que vamos repetir até o último suspiro.

Sem chances de escape. Nosso meio ambiente também vai depender muito dos nossos prévios condicionamentos, daí a escolhas das amizades e dos lugares de que gostamos. Nada nosso, na essência. Mas você pode dizer que tudo isso pode ser anulado pelo modo de pensar e que pelo pensar a caverna escura da vida pode ficar iluminada.

Você tem razão, mas o diacho é mudar os pensamentos. Pelos pensamentos alinhavamos nossas escolhas.

E pelo que se vê, escolhas tenebrosas, as pessoas estão fazendo escolhas como a cara delas, um divórcio atrás do outro… Nossas escolhas erradas não são por culpa dos outros, são culpas nossas, nossa caverna interna não tem luz, e sem luz escolhemos errado, escolhemos por nossos gostos e valores, tudo herdado. Cést la vie!

ERVA

Procure no mapa do mundo um único país que seja desenvolvido e que tenha a maconha liberada. Dou-lhe um mês, procure. A maconha é extremamente danosa à saúde dos neurônios, as células do cérebro. Quem duvidar é só procurar por trabalhos já consagrados por cientistas das mais famosas universidades americanas. Só os “perturbados”, frustrados, vazios, defendem a erva maldita. Polícia e ferro neles!

FALTA DIZER

O pessoal da área da saúde mais sensato está garantindo que o ano de 2021 vai ser igual, ou pior, que este ano em relação às infecções pelo vírus chinês. As vacinas serão experimentais, várias doses necessárias, e muitos vão continuar morrendo por causa da peste. E os trombudos querendo festas e sem máscaras. Trombudos!

Adicionar aos favoritos o Link permanente.