Sadi Peixoto, ex-prefeito de Biguaçu, morre por Covid-19

Sadi Peixoto, ex-prefeito de Biguaçu, município da região da Grande Florianópolis, morreu na manhã deste sábado (26), por conta de complicações causadas pela Covid-19.

Sadi Peixoto, ex-prefeito de Biguaçu, vestido com uma camisa rosa, em uma praça

Sadi Peixoto, 74 anos, morreu na manhã deste sábado (26) por conta da Covid-19 – Foto: Divulgação/ND

Aos 74 anos, ele ficou internado por cerca de 30 dias, mas não resistiu. Sadi Peixoto foi chefe do Executivo Municipal no período de 1993 e 1996.

Antes disso, Sadi Peixoto ingressou na política em 1982 e foi eleito vereador para o mandato 1983/1988. Foi reeleito e cumpriu o mandato de 1989-1992, em que foi presidente da Câmara de Vereadores.

Sadi era padrinho do vice-prefeito eleito de Biguaçu, Alexandre Souza (PODE) e amigo do prefeito Salmir da Silva. Ambos manifestaram sua solidariedade aos familiares e amigos nas redes sociais.

Natural de Biguaçu, o ex-prefeito deixa a esposa Silvia Peixoto, os filhos Sadi, Sidnei e Sarita, netos e um bisneto.

O velório será realizado das 18h às 20h deste sábado (26) na Capela Mortuária Municipal, no bairro Fundos. Após será cremado no Crematório Vaticano, em São José.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.