Sem previsão de volta das aulas presenciais, sistema remoto continua em 2021, diz governo


Secretária de Educação fez balanço de 2020 nesta quinta-feira (17) e também falou sobre planos para o próximo ano. Escolas devem continuar sem aulas presenciais em 2021 na rede estadual de Minas. Na foto, uma escola em Varginha, no Sul do estado.
Reprodução/EPTV
A secretária de estado de Educação de Minas Gerais, Julia Sant’Anna, informou, em entrevista coletiva nesta quinta-feira (17), na sede do governo, na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, que as teleaulas e o aplicativo de aprendizado continuarão em 2021.
Justiça suspende retorno presencial nas escolas estaduais autorizado pelo governo Zema
A estratégia será adotada pela secretaria porque ainda não há uma previsão para que as aulas voltem de forma presencial, contudo, ela admitiu que o app terá que passar por melhorias para atender melhor aos alunos.
Julia destacou que, neste momento, vê como risco grande a retomada das aulas presenciais e que precisa esperar por um arrefecimento pandêmico.
Depois ela disse que, se a Justiça autorizar, tiver vacinação e o mesmo entendimento da Secretaria de Estado de Educação, as aulas serão retomadas.
“A gente vem estudando mecanismos de sensibilização para conseguir essa retomada, claro, considerando um arrefecimento pandêmico agora, porque, a gente sabe, a gente está em um momento muito específico”, falou.
Secretária de Estado de Educação de Minas Gerais, Julia Sant’Anna
Reprodução/Facebook
O ano letivo de 2020 se encerra em 30 de janeiro e o de 2021 deve começar em 4 de março, com encerramento em 17 de dezembro.
Julia ainda destacou que uma consulta pública será realizada com pais dos estudantes e que as sugestões poderão ser adotadas no plano educacional em 2021.
O questionário on-line estará disponível no site e nas redes sociais da secretaria a partir desta sexta-feira (18).
Com relação ao aprendizado deste ano, Julia disse que a pasta acompanha cada aluno e que, em fevereiro, um diagnóstico apontará se houve alguma região com baixo aprendizado e qual conteúdo não foi aprendido.
Planejamento para 2021
A secretária disse que, para os planos de 2021, pretende dar continuidade à Educação de Jovens Adultos Novos Rumos (EJA Novos Rumos), expandir de 35 mil para 43 mil vagas no ensino médio em tempo integral e acolher milhares de alunos vindos das redes municipal e privada, principalmente da privada. Ela falou que triplicou o número de alunos inscritos para 2021.
Para finalizar, Julia falou que a entrega final dos Planos de Estudos Tutorados (PETs) está prevista será em 14 de janeiro e que o ano letivo 2020 encerrado no dia 30 do mesmo mês.
Veja os vídeos mais assistidos no G1 MG nos últimos dias:
Adicionar aos favoritos o Link permanente.