Suspeito de degolar vizinho após briga em churrasco fez ameaças antes do crime


Caso foi registrado na delegacia de Itatiba (SP). Facas e roupas sujas foram apreendidas na casa do suspeito; vítima foi achada no sofá com celular na mão. Caso será investigado pela Delegacia de Itatiba
Moniele Nogueira/TV TEM
O homem de 37 anos que foi preso suspeito de degolar o vizinho depois de uma briga em um churrasco, na noite de domingo (13), no bairro Jardim das Nações, em Itatiba (SP), fez ameaças à vítima durante a festa.
De acordo com o boletim de ocorrência, o crime foi registrado na rua Jamaica. Antes do homicídio, segundo o relato de testemunhas à Polícia Civil, alguns moradores se reuniram e, em determinado momento, o suspeito Evandro Ricardo Castro Silva teria se irritado com Afrânio Oliveira de Aquino, 33 anos.
Os dois pegaram facas e foram desarmados por outros colegas, que acalmaram a situação. Evandro teria dito, durante a confusão, que naquele dia “iria beber sangue”.
Conforme o registro, a vítima teria conversado com outro homem e o suspeito teria achado que estavam falando sobre ele.
Ao fim do churrasco, por volta das 18h, todos foram dormir. Afrânio foi encontrado com corte profundo no pescoço no sofá da casa horas depois.
Os policiais foram até a casa do suspeito, que negou que teve um desentendimento com a vítima e a autoria do crime.
A perícia fez a coleta de sangue na casa de Evandro e apreendeu roupas sujas e facas de açougueiro para confronto de material genético.
A Polícia Civil deu voz de prisão em flagrante no local do crime por homicídio com motivo fútil. O corpo encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).
O caso foi registrado na delegacia de Itatiba, que aguarda os laudos do IML e do Instituto de Criminalística para relatar o inquérito.
Veja mais notícias da região no G1 Sorocaba e Jundiaí
Adicionar aos favoritos o Link permanente.