Veja Essa: Boni, Merkel e Bolsonaro

Fernando Frazao/.

“Não fez nada que fosse importante para a história da TV brasileira, a não ser ele mesmo.”
JOSÉ BONIFÁCIO DE OLIVEIRA, o Boni, sobre Silvio Santos, que faz 90 anos e em quem critica o foco excessivo nos próprios interesses

“Ainda associamos o interior à ideia da mulher vestida de preto e com bigode.”
ANA ABRUNHOSA, ministra da Coesão Territorial de Portugal, que exalta os avanços na área rural do país em campanha para atrair moradores, inclusive brasileiros

“A gestão da prefeitura se tornou, de repente, feminista demais.”
ANNE HIDALGO, prefeita de Paris, contando ter recebido multa de 90 000 euros por “infração da paridade de gênero”. Tradução: sua equipe teria excesso de mulheres

“Vai prejudicar as festas, sabemos disso. Mas fomos obrigados a tomar providências.”
ANGELA MERKEL, chanceler da Alemanha, pedindo desculpas por implementar uma quarentena em pleno Natal devido ao aumento dos casos de Covid-19 no país

“Há luz no fim do túnel, mas ainda estamos no túnel.”
GAVIN NEWSOM, governador da Califórnia, preparando a população para “horríveis meses pela frente” por causa do novo coronavírus

“Eu não vou tomar vacina e ponto-final. Problema meu.”
JAIR BOLSONARO, que desconfia dos efeitos colaterais do imunizante, mas não teme os da cloroquina

Continua após a publicidade

“O Ph.D. já teve muito prestígio, mas ele vem caindo por causa da falta de seriedade e do relaxamento dos padrões no ensino universitário.”
JOSEPH EPSTEIN, professor, em artigo sugerindo que Jill Biden, mulher do presidente eleito, deixe de usar o título de doutora (no caso, em educação) e que ele seja reservado a médicos. Pegou mal

“Nunca peça água diretamente ao garçom. Quem tem de fazer isso é o marido. E outra: a conta é do homem. (…). Se tem homem na mesa, pelo amor de Deus, gente, a obrigação de pagar é dele.”
FATIMA SCARPA, a Fafá, guru de boas maneiras na CaCelico Class, blog da ex-mulher do jogador Kaká, Caroline Celico

“Imagina a emoção da menina da periferia de São Paulo se vendo nas bancas assim, toda linda?”
SHEILA Mello, dançarina, lembrando sua primeira capa de revista há vinte anos, quando integrava o grupo É O Tchan

Reprodução/Instagram

“Tenho taquicardia só de pensar em ter alguém morando na minha casa. É muito libertador falar isso.”
BRUNA MARQUEZINE, atriz, exercitando seu lado feminista

“Eu falei que não queria mais, mas ele não me ouviu. (…) Quando acabou, ele saiu, foi abrir uma cerveja, e eu fiquei olhando a cama cheia de sangue. Faz muito pouco tempo que eu parei de achar que isso é culpa minha.”
ANITTA, cantora, em corajoso depoimento sobre o estupro que sofreu “aos 14, 15 anos”

“Nós somos um exemplo. Estão voltando a fazer filmes em Hollywood por causa da gente. (…) Se acontecer de novo, estão demitidos.”
TOM CRUISE, ator, em bronca homérica ao flagrar a equipe de filmagem do próximo Missão Impossível se descumprindo o distanciamento social. O chilique foi gravado e postado nas redes

Publicado em VEJA de 23 de dezembro de 2020, edição nº 2718

Continua após a publicidade

Adicionar aos favoritos o Link permanente.