Viracopos e rodoviária de Campinas preveem 417 mil passageiros no feriado de Natal


Projeções foram divulgadas pelas concessionárias e fluxo fica mais intenso a partir desta sexta-feira (18). Veja medidas e orientações aos viajantes para evitar transmissão do novo coronavírus. Viracopos prevê 267 mil passageiros no feriado de Natal
Aeroportos Brasil Viracopos
O Aeroporto Internacional de Viracopos e a rodoviária de Campinas (SP) preveem receber juntos 417 mil passageiros no feriado de Natal, segundo projeções das concessionárias. O fluxo de viajantes fica mais intenso a partir desta sexta-feira (18) – veja abaixo detalhes e medidas contra a Covid-19.
Viracopos
Pelo menos 267 mil passageiros devem passar pelo aeroporto entre os dias 18 e 26, de acordo com a concessionária que administra a estrutura. Neste período são esperados 1.942 pousos e decolagens de aeronaves, e o maior movimento é previsto para o período das 17h às 23h desta sexta-feira.
Diante da pandemia, a concessionária garante que vai ampliar os processos de desinfecção especial do terminal de passageiros, além de realizar a medição da temperatura de todos os viajantes antes do embarque. “Funcionários com o colete “Posso Ajudar?” vão orientar passageiros no saguão sobre os cuidados para evitar aglomeração e manter o uso de máscara durante todo o tempo”, diz nota.
Os destinos mais procurados pelos passageiros são as capitais de estados nas regiões do Nordeste e Norte, além de Rio de Janeiro (RJ), Belo Horizonte (MG), Porto Alegre (RS), Florianópolis (SC), Curitiba (PR), Brasília (DF), Vitória (BA) e cidades do interior de São Paulo, diz a Aeroportos Brasil Viracopos.
“As lojas, cafés, lanchonetes e restaurantes espalhados pelo aeroporto também se preparam com todas as recomendações das autoridades de segurança sanitária para o aumento da demanda previsto para os dias de pico de passageiros”, ressalta outro trecho do texto.
Terminal rodoviário
A concessionária Socicam prevê aproximadamente 150 mil passageiros no terminal rodoviário de Campinas entre os dias 21 e 28 de dezembro, ao considerar operações de embarque e desembarque. Os destinos mais procurados pelos usuários, destaca o levantamento, são a capital paulista, as cidades paulistas de Praia Grande, Ubatuba, Sorocaba e Jundiaí, além de Belo Horizonte (MG).
O dia 24 deve registrar o maior movimento, segundo o levantamento, no período entre 6h e 14h. “Durante o período serão 760 carros extras e, caso haja necessidade, mais ônibus poderão ser disponibilizados”, destaca nota da concessionária.
Entre as recomendações aos viajantes para evitar a Covid-19 estão:
Usar máscara para proteção facial;
Atenção para as aglomerações – além da demarcação de piso e assentos, o terminal conta com colaboradores em rondas, avisos sonoros e visuais que alertam para distanciamento social;
Caso não seja possível realizar a compra pela internet, o passageiro deve entrar em contato com a empresa de ônibus para checar a disponibilidade de passagens, datas e horários;
Lave bem as mãos sempre que puder ou fazer uso constante de álcool gel;
Caso apresente algum sintoma da Covid-19, entrar em contato com a empresa e remarcar a viagem. O passageiro tem prazo de até um ano para este procedimento;
Outras orientações da Socicam para o passageiro evitar problemas durante as viagens são:
Atenção com os documentos: todos os passageiros devem apresentar documento de identificação original e com foto;
Embarque de crianças e adolescentes: viajante com menos de 16 anos precisa de autorização. Acesse: www.tjsp.jus.br, em informações/autorização de viagem para crianças e adolescentes;
Limite de bagagem: são permitidos até 30 kg no bagageiro e até 5 kg de bagagem de mão, desde que o material não interfira no conforto dos demais passageiros. Há também recomendação para identificar bagagens com etiqueta, incluindo nome completo e telefone;
QR Code: passagens compradas pela internet devem conter o selo de embarque; caso não haja, o viajante deve passar na bilheteria da empresa para retirar o bilhete;
Chegue com antecedência: é importante que o passageiro chegue ao terminal com ao menos 30 minutos de antecedência do horário marcado na passagem;
Remarcação de passagens: a remarcação e reembolso da passagem são feitos com até três horas de antecedência, diretamente com a empresa de ônibus;
Atendimento: os profissionais da concessionária estão sempre uniformizados, equipados com EPI’s e permanecem em ronda ou nos balcões de informação.
O terminal rodoviário de Campinas
Toninho Oliveira / Prefeitura de Campinas
Initial plugin text
Veja mais notícias da região no G1 Campinas.
Adicionar aos favoritos o Link permanente.